WhatsApp Image 2021-08-16 at 12.47.28
WhatsApp Image 2021-08-16 at 12.30.58
WhatsApp Image 2021-08-16 at 12.30.57 (2)
WhatsApp Image 2021-08-16 at 12.30.57 (1)
WhatsApp Image 2021-08-16 at 12.30.57
previous arrow
next arrow

Alesc presta homenagem a escritor da Academia Brasileira de Letras

Encontro sobre adoção desperta interesse nas famílias catarinenses
18 de junho de 2018
AMUNESC recebe última edição do Encontro “Conversando sobre adoção”
20 de junho de 2018

Alesc presta homenagem a escritor da Academia Brasileira de Letras

A Moção de Aplauso foi sugerida pelo deputado Dr. Vicente Caropreso

A Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc) homenageou, nesta terça-feira (19), o professor e escritor Miguel João Simão, com uma Moção de Aplauso, por sua trajetória de amor à literatura e efetivo trabalho pelas Academias de Letras no Estado. 

A indicação foi do deputado estadual Dr. Vicente Caropreso (PSDB). “São iniciativas como essa que impulsionam as pessoas e engrandecem a nossa história, a nossa memória. O senhor Miguel merece nosso reconhecimento, pois dedica sua vida à promoção da cultura literária”, justificou Caropreso.

O escritor agradeceu a homenagem e estendeu a todos os escritores catarinenses. “A arte de fazer cultura é voluntária. Nenhuma das pessoas vinculadas às academias de Letras ganha alguma coisa, nosso trabalho é voluntário e dá a oportunidade ao escritor anônimo mostrar seus escritos”, ressaltou Simão.

O vereador de Imbituba, Luiz Dutra, foi o responsável por aproximar Simão de Caropreso. “Conheci o trabalho deste escritor e conversei com o deputado que prontamente aceitou fazer a homenagem. É um reconhecimento à história e cultura de nosso Estado”, afirmou

Histórico

Miguel João Simas é escritor e professor, catarinense de Governador Celso Ramos. Desde a década de 1980 é agente ativo do estímulo à literatura de Santa Catarina, sendo autor de sete obras, participado de 40 antologias e organizado a antologia de outras oito obras.

É membro efetivo de diversas Academias de Letras em SC. É fundador das Academias de Letras de Governador Celso Ramo, Academia de Letras de Canelinha e da Associação dos Escritores dos Municípios da Região da Grande Florianópolis.

É fundador da Academia Brasileira de Letras do Brasil de Santa Catarina, iniciativa que já resultou em 96 academias de Letras em municípios do Estado. Tem seus méritos reconhecidos por meio de diversas premiações e homenagens, dentre elas, a Medalha de Platão, concedida pela Academia Brasileira de Letras do Brasil e a Medalha Jorge Amado, concedida pelo Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *