Últimas postagens

Plano Nacional de Logística: deputado defende inclusão de projetos ferroviários em SC

O deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB) levou ao plenário da Assembleia Legislativa a sua indignação com o fato de projetos ferroviários importantes para Santa Catarina terem sido excluídas do Plano Logístico Nacional – PLN.

Conforme o deputado, a Ferrovia Litorânea, trecho de 135 km entre Imbituba e Araquari, e a Ferrovia Leste-Oeste, que liga o Extremo-Oeste ao Litoral, considerada fundamental para o escoamento da produção agrícola catarinense aos portos, foram excluídas do PLN.

O deputado explicou que milhões em recursos já foram investidos em  estudos e projetos dessas ferrovias. “É um absurdo. Temos  um dos maiores complexos protuários do Brasil e do mundo  e sem conexão ferroviária. Temos que apelar à bancada federal catarinense para que tenhamos um horizonte diferente do que estamos vendo”.

Em 2015, audiência pública solicitada pelo parlamentar discutiu a situação da obra Ferrovia Litorânea, que se arrasta deste 2001. O estudo de viabilidade técnica, economia e ambiental já foi concluído e o projeto executivo da obra segue sem aprovação devido a impasse sobre o trajeto na área  indígena do Morro dos Cavalos. “O governo federal precisa priorizar a resolução dessas questões técnicas e financeiras. Essa obra estruturante para Santa Catarina precisa estar no Plano Logístico Nacional”.

Corte de recursos

Dr. Vicente também voltou a criticar o corte no orçamento da União para obras de infraestrutura em Santa Catariana. Os R$ 271,6 milhões do orçamento aprovado pelo Congresso viraram R$ 135,1 milhões para financiar as obras nas BRs  280, 470, 163, 282.  “Precisamos ter essas importantes obras de infraestrutura, ferrovias, rodovias duplicadas e modernas para que nosso estado não perca competitividade. O governo federal não pode dar as costas para Santa Catarina.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top